segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

[Resenha] "A Colina Escarlate", por Nancy Holder

     Adaptação literária oficial do filme homônimo, "A Colina Escarlate", lançado pela editora Record em 2015, é um romance de terror.

     Nancy Holder, a escritora, foi responsável por dar um tratamento literário ao roteiro do diretor Guillermo del Toro.

     O filme é estrelado pelos atores Mia Wasikowska, Tom Hiddleston e Jessica Chastain, que interpretam os personagens Edith Cushing, Thomas e Lucille Sharpe, respectivamente.


Informações


Título original: Crimson Peak
Autor: Nancy Holder
Tradução: Pedro Sette-Câmara
Editora: Record
Ano: 2015
Páginas: 308


Sinopse


     Edith Cushing, uma jovem da era vitoriana, alimenta o sonho de escrever um livro. Ainda que, segundo ela mesma, seja uma misantropa irritadiça, não é diferente das jovens de sua época. Porém, há algo tenebroso em seu passado. Aos 10 anos, Edith sofreu dois grandes traumas: o falecimento de sua mãe e, três semanas depois, o encontro com um fantasma — a Sra. Cushing, sua própria mãe. Ainda hoje Edith se lembra daquela noite: o tique-taque do relógio, o ranger das tábuas do assoalho, o farfalhar do robe de seda com o qual a mãe fora enterrada, o estalido dos ossos sob a pele que já definhava, a mão decomposta em seu ombro... e um recado enigmático.

     Sem medir esforços para realizar seu sonho, ela acaba conhecendo Sir Thomas Sharpe, um homem misterioso, dono de terras na Inglaterra e de uma mente criativa como a dela. Isso logo desperta o interesse da jovem, que busca mais informações sobre ele e sobre Allerdale Hall, a propriedade ancestral da família Sharpe. No entanto, o que Edith não encontra em suas pesquisas são os segredos terríveis guardados pelo nobre inglês, que irão assombrá-la para sempre.


Resenha

     Ao me deparar com o livro "A Colina Escarlate", constatei que estava diante de um fato quase raro: um livro originado de um filme! Como o leitor deve saber, esse fato é inusitado porque estamos acostumados a ver justamente o contrário, livros que viram filmes. E ao final da leitura da adaptação de Nancy Holder, perguntei a mim mesmo: "Será que o livro é fiel ao filme?". Acho que nunca pensei que um dia pudesse dizer isso (risos)!

     Ler "A Colina Escarlate" foi uma experiência curiosa e, ao mesmo tempo, bastante agradável. Curiosa pelos motivos já citados e também porque raramente leio livros do gênero. E agradável pelo fato de ser uma história atraente e muito bem elaborada. Para se ter uma ideia, eu o li em apenas dois dias. Acredito que isso se deve à narrativa da autora, que nos deixa apreensivos e curiosos para saber o que acontece a cada momento, às surpresas e descobertas que surgem a cada capítulo e à galeria de personagens bem desenvolvidos e interessantes.

     Em nenhum momento me senti decepcionado com o livro, mas, apesar das grandes revelações no decorrer da leitura - que realmente me impressionaram, comprovando a genialidade do roteiro -, confesso que achei seu final um pouco previsível. Talvez previsível nem seja a palavra certa, mas acho que faltou alguma coisa no desfecho que chamasse atenção e não terminasse da forma como foi, mesmo que de modo coerente.

     Apesar disso, considero-o altamente recomendável. Sempre me recordarei dessa história com satisfação. Afinal, uma história que se passa em outra época, que mescla romance, mistério, suspense e terror é realmente admirável. Mal posso esperar para conferir o filme!

2 comentários:

  1. Oi, assisti o filme hoje (espero a "hyper" passar pra poder aproveitar feito um bom vinho do que gosto) e gostaria de saber se o filme explica sobre os outros personagens que não foram explorados no filme (tentando não falar com spoiler no comentário, o que é bem difícil).
    Basicamente a curiosidade de saber como aconteceu, o que rolou e como terminou me fez ir atrás de um livro que originasse o filme o que me deixou decepcionado pois o livro é apenas baseado no roteiro do filme, o que pode não suprir minha curiosidade.
    Entre varias resenhas a sua foi a que mais destacou outras características a não ser o terror e o suspense, por isso decidi perguntar XD
    Espero que o comentário não tenha sido TÃO grande e que eu receba a resposta logo, mesmo que não seja do meu agrado XD
    Obrigado pela atenção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Enderson,
      Ainda não assisti ao filme.
      Quanto ao livro, todos os personagens - não são muitos - são bem explorados sim. E, ao meu ver, nenhuma história ficou "solta" ou sem explicação. Recomendo a leitura do livro, assim você acaba com todas as dúvidas.
      Espero ter respondido sua pergunta.

      Excluir