segunda-feira, 13 de março de 2017

Leituras do mês de Fevereiro de 2017


     Fevereiro não foi um mês de muitas leituras, se comparado com janeiro. Li apenas dois livros, mas foram os livros. Um com 656 páginas e o outro com 496. É compreensível que tenha demorado tanto para terminá-los, não é mesmo (risos)?

     "Morte Súbita", de J. K. Rowling - autora da série "Harry Potter", e "A Química", de Stephenie Meyer - autora da série "Crepúsculo", foram os títulos que me acompanharam ao longo do mês nas minhas leituras. Quer saber o que achei de cada um deles? Continue lendo a seguir:




"Morte Súbita"

Título original: The Casual Vacancy
Autor (a): J. K. Rowling
Tradução: Izabel Aleixo e Maria Helena Rouanet
Editora: Nova Fronteira
Ano: 2012
Páginas: 656

     Eu sempre quis ler "Morte Súbita". Sou fascinado pelo mundo de "Harry Potter" e uma das inúmeras coisas que me agradaram na série do menino que sobreviveu foi a escrita de J. K. Rowling. E mesmo tendo plena consciência de que o romance não seria ambientado em Hogwarts e que não me arrebataria da mesma forma, resolvi lê-lo. Eu tinha quase certeza de que odiaria a história e, pelo número de páginas, possivelmente poderia abandoná-lo no meio da leitura. Mas não foi isso que aconteceu. Bem, o começo foi difícil porque a autora apresentou um número muito grande de personagens. E a cada capítulo do início da história ela contava um pouco sobre cada um. Talvez isso tenha sido a única coisa que prejudicou a leitura. Acabou me confundindo ao invés de me cativar. Talvez se ela tivesse focado em apenas um personagem e, aos poucos, apresentado os demais, a situação teria sido diferente. Mas, felizmente, as coisas mudaram. Ao longo da leitura, finalmente me familiarizei com cada personagem e me adaptei com suas tramas e ligações com as demais. O resultado é que mais uma vez Rowling comprovou que é uma das melhores autoras, cuja obra já conheci.




"A Química"

Título original: The Chemist
Autor (a): Stephenie Meyer
Tradução: Maria Carmelita Dias, Adalgisa Campos da Silva e Cássia Zanon
Editora: Intrínseca
Ano: 2016
Páginas: 496


     Não li "A Química" no ano passado porque achei que seria um livro extremamente chato. Os temas discutidos nele estão longe de serem os meus favoritos, então criei expectativas extremamente negativas em relação ao novo romance de Stephenie Meyer. Quando iniciei a leitura, estranhei bastante o enredo e levei um bom tempo até me acostumar. Mas a partir do momento em que a nossa protagonista, Alex, encontra o personagem Daniel, tudo mudou. O livro começou a ficar muito interessante e, a cada página virada, o meu fascínio pela obra só aumentava. Assim como "Morte Súbita", o livro "A Química" possui muitas páginas, mas ainda assim a leitura fluiu em um ritmo ótimo. O término da leitura só não aconteceu rápido por falta de tempo mesmo.



      E esses foram os títulos do mês de fevereiro. Espero que na próxima postagem do mês eu possa apresentar um número maior de livros lidos. Farei o possível para que isso aconteça. Até  próxima!

Nenhum comentário:

Postar um comentário